domingo, 7 de fevereiro de 2010

palavras proféticas

Engraçado como são as coisas quando colocadas em perspectiva, vistas após quase 20 anos. No início dos anos 90, o rock brasileiro parecia a muitos olhos praticamente morto, completamente fora da mídia, que estava inteiramente dominada pela música sertaneja e o nascente samba-reggae (mais ou menos a mesma espécie do que hoje é conhecido por "axé music").

Neste contexto surge, de Minas Gerais, uma banda chamada Virna Lisi, que fazia uma mescla de punk com rock brasileiro dos 80, acrescido de tamborins, triângulos e pandeiros. Na época, 1993 se bem me lembro, uma frase, atribuída ao baixista Marcelo de Paula, soou bombástica: "Nós viemos pra acabar com o rock dos 80". Apesar de muito bem recebida pela crítica e pelos aficcionados, a banda nunca conseguiu um apelo de público e acabou em 1997, após gravar 3 ótimos discos.

A famigerada frase gerou alguma polêmica na época e acabou sendo desmentida pela banda, mas, verdade ou não, a frase foi profética. O rock brasileiro nos anos 90 se caracterizou pela mistura de ritmos regionais brasileiros com estilos mais universais como pop rock, metal e hardcore. Mesmo que o Virna Lisi não tenha sido assim tão ouvido, eles foram um dos primeiros desta tendência. Eles, por assim dizer, puseram o pé na porta que foi escancarada um ano depois pelo manguebeat de Chico Science & Nação Zumbi, Mundo Livre S/A e companhia.

Mais alguns anos depois, a música brasileira assimilou o baque e os resultados estão aí, todo mundo mistura tudo com tudo sem medo de ser feliz. Assim, afinal, a tendência que o Virna Lisi anunciava acabou ou não com o rock dos 80? Daqui de onde eu vejo a resposta é um sonoro sim.

Surpresa das surpresas, fui procurar agora pelo Virna Lisi pra confirmar o nome do baixista e encontrei a notícia de que a banda está de volta.

Mais legal ainda seria se a banda voltasse pra acabar, desta vez, com o rock dos 00. E se não for o Virna Lisi será algum outro. E que venha o novo!!

3 comentários:

agitadorcultural disse...

se não me engano eles tocaram no Monsters of Rock... talvez em 1996. Depois nunca mais ouvi falar.

Rosângela Maria disse...

OLha o novo aqui:
Jesus Lindão Rei Grandão.

Né não???
Pois sim...
Todos os ritmos ali no coração...
Valeu.

Jesus é tudo em todos.

agitadorcultural disse...

Passando pra tirar as teias de aranha...